O que fazer em Belém

Oi, gente!

Hoje vim contar o que eu consegui fazer em Belém. Como fui a trabalho, não sobrava muito tempo para passeios e acabou que saí de lá com vontade de voltar.

Então as dicas que vou deixar são do que eu consegui fazer e gostei bastante.

Passeio de Barco

Fiz um passeio de barco com a empresa Vale Verde. O passeio tinha como ponto de saída a Estação das Docas e durava 1h30 mais ou menos. Na rota eram mostrados os principais pontos de Belém. Tinha show de Carimbó e outras danças típicas e comidinhas típicas também.

Valor: 70,00

Orla de Icoaraci

Icoaraci fica próximo à Belém e é considerado a Orla de lá. E como toda a Orla tem alguns quiosques, água de coco, e alguns restaurantes. Ir ao por do Sol é uma boa.

E também tem uma feirinha vendendo cerâmica marajoara. Um artesanato típico dos índios da Ilha de Marajó e que os descendentes tentam manter essa tradição em Icoaraci.

Foto: Luciene Givisiez

Docas

A Estação das Docas é um dos cartões postais de Belém. Dá para visitar durante o dia ou a noite. Conta com restaurantes que vendem comida típica. Aliás foi em um desses que eu mencionei que provei de tudo no post anterior (aqui).

A noite vira point, um dos locais que sugiro é o restaurante da Amazônia Zen, eles têm rodízio de cerveja. Que é fabricação própria e algumas feitas com ingredientes da região, como açaí e bacuri.

Mercado Ver-o-Peso

Recebi um monte de recomendação de que era perigoso, mas não vi nada de mais, pelo contrário havia muito policiamento. O Ver-o-peso é um mercado a céu aberto, para mim, na verdade, é uma feira.

Se você quer comprar poupa de açaí, tapioca, cachaça, camarão seco, semente de jambu, bombons sortidos, comer o verdadeiro açaí com peixe frito,entre outros o ver-o-peso é o lugar.

Vende um pouco de toda a tradição de Belém, também é um ponto turístico.

E vou deixar a recomendação, que me deixaram: roupas simples, pouco dinheiro e nada de ostentação.

Foto: Luciene Givisiez
Foto: Luciene Givisiez

Basílica Nossa Senhora de Nazaré

Que igreja linda, vale a visita. Tanto à basílica quanto à lojinha. Um lugar de muita fé e devoção.

Comer

E por último, mas não menos importante: Coma! Juro prá vocês que a Comida de Belém é incrível!

Minha viagem à Belém foi muito corrida, mas foi incrível! Recomendo e quero voltar.

Deixe uma resposta